Home

SENAC/MA

Cursos Profissionalizantes no Maranhão.

98 3198.1515

   Maranhão

26 de outubro de 2016, 14:33 - Por Assessoria de Comunicação

Palestra ministrada pelo Centro de Oncologia Médica alerta sobre o câncer de mama

Durante todo o mês de outubro, o mundo fica mais cor de rosa. Iniciado na década de 90, nos Estados Unidos, o Outubro Rosa chegou ao Brasil em 2008 por iniciativa da4 Federação Brasileira de Instituições Filantrópicas de Apoio à Saúde da Mama (Femama) e tem conquistado pessoas, empresas e instituições públicas desde então. O movimento tem o objetivo de conscientizar a população quanto à prevenção, diagnóstico e tratamento do câncer de mama.

Pensando no cuidado e atenção da saúde de servidores e alunos, o Senac no Maranhão tem realizado diversas atividades de conscientização para a prevenção do câncer de mama. Uma das ações foi promovida na última sexta feira, 21, no auditório do Senac em São Luís, em parceria com o Centro de Oncologia Médica. A palestra “Diagnosticar Precocemente é Sempre o Melhor Remédio”, ministrada pela enfermeira oncológica Inez Queiroga, contou com a participação de mais de 80 alunos de turmas de Técnico em Enfermagem, Técnico em Segurança do Trabalho e Cuidador de Idoso.

2A palestra abordou a história do movimento Outubro Rosa, a participação de empresas e entidades, os objetivos da campanha, mitos e verdades sobre a prevenção e detecção da doença, câncer de mama nos homens, mamografia, tratamento, dentre outros assuntos. A especialista afirmou que hoje em dia qualquer tipo de câncer tem cura, só depende da fase em que o tumor é detectado. “Quando a pessoa não aceita o diagnóstico, o tratamento torna-se complicado, ocorre náuseas, vômitos, diarreia, queda de cabelo, mas quando se encara de corpo e alma, tudo é diferente, pois a pessoa está aceitando aquilo que surgiu na vida dela”, disse.

Para a aluna Cleidiane Alencar da Silva, do curso Técnico em Enfermagem, a palestra possibilitou o esclarecimento de muitas dúvidas, principalmente de mitos relacionados ao surgimento do câncer. “Essas informações são essenciais para nós, que estamos saindo de um curso técnico na área da saúde e vamos lidar com pessoas que terão as mesmas dúvidas, então poderemos esclarecer aos pacientes e informar sobre a importância do diagnóstico precoce”, destacou. “Foi um momento muito importante não só para nosso conhecimento profissional, mas também para o nosso dia a dia, para que possamos informar nossos familiares e amigos, homens e mulheres, sobre os cuidados para o tratamento precoce do câncer de mama”, completou.

No câncer de mama, o sintoma mais comum é o aparecimento de um caroço na mama. Os outros sinais da doença são:

  • Irritação da pele ou aparecimento de irregularidades na pele, como covinhas ou franzidos, ou que fazem a pele se assemelhar à casca de uma laranja;
  • Dor no mamilo ou inversão do mamilo (para dentro);
  • Vermelhidão ou descamação do mamilo ou pele da mama;
  • Saída de secreção (que não seja leite) pelo mamilo;
  • Caroço nas axilas.

Em mulheres que possuem um histórico familiar significativo de câncer de mama e/ou ovário, é possível realizar um teste para analisar se a paciente é portadora de mutações genéticas que predispõem a doença. Em alguns casos raros, mulheres com altíssimo risco de desenvolver câncer de mama podem considerar a possibilidade de fazer mastectomia profilática, isto é, a remoção cirúrgica das mamas, antes do aparecimento da doença.

Ao final da palestra, a convidada sorteou camisas da Campanha Outubro Rosa, desenvolvida pelo Centro de Oncologia Médica

5

3

1

Compartilhe: